Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lost in wonderland

lost in wonderland

Gosto muito de viver no futuro

Março 14, 2015

aterro numa sala de reuniões que está equipada com uma tv, que tem um pequeno penduricalho mágico ligado nela.

sento-me e saco do meu telemóvel esperto.

no meu telemóvel esperto tenho instalada uma app que se pendura no tal penduricalho, e tenho também instalada a app da nuvem que uso para guardar os meus trabalhos. 

vou à app da nuvem, faço download das imagens que preciso de apresentar na reunião e activo a app do penduricalho. depois vou à galeria das imagens, escolho uma e mando partilhar na tv da sala.

e a magia acontece!

a imagem salta prá tv. depois é só ir fazendo swipe entre imagens, enquanto os presentes as vão esmiuçando confortavelmente e eu vou tirando notas.


...sem perder tempo a ajustar o ecrã do portátil à tv/projector, sem correr os pisos todos à procura de alguém com um adaptador para o portátil que me possa emprestar porque o meu a) não serve b) ficou em casa, sem imprimir montes de folhas. maravilha!

e no fim ainda posso abrir a app do youtube e partilhar uns vídeos de gatinhos, ou mostrar outra coisa qualquer, bastando para isso partilhar o ecrã do telemóvel na app do penduricalho.

adoro o futuro, é um lugar tão prático \m/

A internáite só me dá más notícias II

Março 15, 2013

BAI BAI GOOGLE READER

 

custo a acreditar neste anuncio, e custo a acreditar neste tipo de modelo de negócio - irritar utilizadores fieis. aposto que na base desta decisão (merdosa) está o G+.. querem à força meter-nos a usar aquilo - que by the way, NOT GONNA HAPPEN. primeiro cortaram com os shares, uma funcionalidade muita porreira e que providenciava endless hours of fun, e agora decidiram dar-lhe o golpe final. 

 

quando me apresentaram ao RSS, no inicio de 2005, fiquei completamente rendida ao potencial da tecnologia, que me permitia pegar numa porrada de sites (especialmente blogs) e segui-los num único sítio. poupava-me imenso tempo e era uma forma realmente prática de acompanhar e consumir conteúdos quase desenfreadamente.

 

comecei por utilizar aplicações nativas, mas rapidamente voltei-me para as web based, sempre era menos uma aplicação a correr e apenas mais uma tab no browser. usei o netnewswire durante algum tempo, e depois mudei-me de armas e bagagens para o netvibes

 

entretanto veio-me parar uma coisa às mãos que mudou a forma como utilizava a internet - passou a andar comigo no bolso - e como tal, tive que ajustar os meus hábitos de internauta (ROTFL). um deles era precisamente a forma de seguir feeds. inicialmente experimentei várias apps, mas por causa da sincronização entre o iphone e os pc's, nenhuma parecia realmente portar-se à altura.

 

foi então que decidi começar a usar o google reader. conhecia-o de ginjeira, embora o seu aspecto tenha-me mantido sempre à distância.. mas como parecia ser a única solução, bora lá dar-lhe uma oportunidade.. e foi o inicio de uma longa e proveitosa relação, até aos dias de hoje!

 

adoro-o pela sua simplicidade, rapidez, funcionalidade e disponibilidade. entretanto sofreu vários facelifts ao longo do tempo que lhe foram tornando a interface cada vez mais agradável, culminando nesta actual, que está pura e simplesmente genial..

 

..e vão-lhe puxar a ficha.. ARGHHHHHHHHHHH!!! PQP!!

Como alegrar a tarde a uma geek!

Maio 19, 2009

ia eu num stress desgraçado, a querer sair de almada, já atrasada, que tinha que estar na oficina em setúbal até às seis, quando à espera para entrar numa rotunda perto do centro sul, quem é que vejo a circula-la??

um STREET VIEW CAR do google!!!

entrei logo em modo de nerd histérico mas no feminino, e meti-me na rotunda atrás dele, para ver o apetrecho agarrado ao carro de perto. por sorte, o gajo ia devagarinho e começou a abrandar ainda mais, tinha-se enganado na faixa e queria menter-se na mesma em que eu ia, para entrar no túnel do centro sul. eu, como rapariga simpática que sou, deixei-o meter-se à minha frente....e puxo do iphone pa sacar-lhe uma pic! hihiihihihi

a treta é que ia a levar com o sol de frente e as fotos tavam a sair manhosas.. mas por sorte, o gajo tinha o mesmo destino que eu, a A2, e o namoro prolongou-se por mais uns bons metros!
mesmo antes de entrar na AE consegui sacar-lhe uma pic boa, e depois depois ultrapassei-o e fui à minha vidinha, toda contente pelo encontro imediato de 1º grau.

é que ainda andei uns 2km atrás dele, qual stalker hi hi hi

Eixxxx, as coisas que se descobrem....

Setembro 09, 2007

Andava eu a cavar no google pelo meu nome (gosto sempre de saber o que se diz por aí sobre mim he he), quando dei de caras com uma... "relíquia". Já nem me lembrava dela (ou então não me queria lembrar lol), mas rendeu umas belas gargalhadas, não sei se de surpresa se de vergonha...alguma coisa deve ter sido lol

Suponho que tenha sido a minha segunda ou terceira página, foi feita em 1998, no ano em que comecei a aventurar-me no mundo do webdesign (lá chegaremos com a história dos "10 anos atrás")..

Segundo os padrões actuais, está horrorosa, tenebrosa, um autêntico atentado visual e não só..mas pronto, na altura, foi o que se arranjou..

Eu deixo aqui o link, mas depois não digam que eu não avisei e não me venham cá pedir indemnizações por danos psicológicos irreversíveis lol

Btw, acham que isto devia constar no meu cv? LOLL

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

drop me a line: isa [ arroba ] sapo [ ponto ] pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D