Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

lost in wonderland

lost in wonderland

O quarto

Março 09, 2021

a casa foi definitivamente um dos nossos focos em 2020 (e ainda não terminou 😆).

aproveitamos o confinamento forçado tempo extra para fazer montes de melhorias e pequenas reparações que andavam sempre a ser adiadas, para além das limpezas e arrumações quase obsessivas, e dos grandes projectos, como a arrecadação. quando finalmente ficamos sem nada para organizar, a minha atenção começou a desviar-se para coisas que nunca tinham levantado grandes temas, como o quarto.

o quarto é aquela divisão que só utilizamos para dormir. tem uma cama e duas mesas de cabeceira (e uma cómoda, vá), que é tudo o que é preciso. só que dei por mim perdida a olhar para o quarto, e pela primeira vez em sete anos e meio, senti-o vazio. tipo, era preciso tão pouco para ter um aspecto mais acolhedor, bastava uma cabeceira e umas cortinas, e mudava logo o cenário... suspeito que as saudades das escapadinhas de hotel ao fim-de-semana possam ter alguma culpa no cartório 🤔

quarto antes

e foi assim que em duas tardes de dezembro encomendei a cabeceira e as cortinas. a cabeceira já sabia onde queria encomendar, graças ao instagram, e numa breve visita à loja para escolher o tecido, o assunto ficou tratado. já as cortinas exigiram algum trabalho de investigação, para descobrir onde conseguir exactamente o efeito que queria e ter a certeza que o resultado tinha qualidade. acabei por me decidir por um atelier com pinta de que ali não se brincava em serviço, e dei lá um saltinho para escolher os tecidos e pedir o orçamento. a brincadeira não ia sair propriamente dita barata, mas fuck it!

a altura do natal não é a melhor para encomendar este tipo de coisas, mas como não tava com grande pressa, não me chateei muito... afinal de contas, tinha sobrevivido durante sete anos sem cortinas e cabeceira, o que era mais um mês ou dois? a cabeceira chegou a meio de janeiro, as cortinas, por causa do confinamento, foram montadas agora no inicio de março.

...e PQP se não valeu a pena o investimento e a espera. o quarto ficou lindo, lindo, lindo!!!

quarto depois


não só está lindo, como agora posso ter o estore todo aberto e entra uma luz fantástica. à noite temos que correr as cortinas cinza por causa da iluminação da rua, de manhã voltamos a abrir e ajudar a acordar. o pior é conseguir sair da cama 😅

acredito que os meus vizinhos da frente devem estar bastante gratos, pois agora já não têm vista para a minha casa de banho... ou então, não! LOL

só não sei é quanto tempo é tanto as cortinas como a cabeceira durar, que a gatifonga está igualmente deliciada com a nova decoração 😑

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: hello@liwl.net

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D