Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

lost in wonderland

lost in wonderland

That's all folks!

Novembro 28, 2011

..e pronto, para terminar o relato da nossa estadia em terras neerlandesas, aqui ficam os highlights, positivos e negativos da coisa:

 

YAY!!

 

- a transavia. para lowcost, oferece um bom serviço. correu tudo muito bem, e achei o boeing mais confortável (e ligeiramente mais silencioso) que os airbus que andei até agora. a comida e bebida a bordo paga-se, mas a viagem é curta e basta comer qualquer coisa antes de embarcar e/ou levar uns snacks na mochila;

 

- transportes públicos holandeses. um bocado caros, mas uma frequência fora do comum. andamos de autocarro, comboio e eléctrico nunca esperávamos muito tempo por um fosse a que horas fosse, e ao fim-de-semana também. bilhete diário, ou de ida e volta era um descanso.

 

- pouca poluição. por não haver muitos carros especialmente no centro das cidades, tanto haarlem como amesterdão têm um ar bastante respirável. também ouvimos dizer que ter carro lá é um luxo por causa dos impostos, vai na volta muita gente opta pelas bicicletas e transportes públicos para se deslocar.

 

- o pão, o peixe, os vegetais e queijos nas lojas e nos mercados de rua. nunca vimos tantos tipos diferentes de pão à venda no mesmo sitio, e aqueles que tivemos oportunidade de provar eram bem bons. claro que não podemos compara-lo com o belo do pãozinho alentejano.. still, BEM melhor que muita da treta que se compra nos supermercados cá..
muito peixe vendido em filetes, coisa rara cá, e com um aspecto tão fresquinho que ficávamos a salivar junto às bancas (e logo nós que nem nos importamos de comê-lo cru LOL) 

 

- lattes. omg.. não sei se é o leite que é diferente, ó que raio, mas os lattes (galão é uma palavra *tão* feia) lá SÃO. TÃO. bons!!

 

- tòdágente fala inglês, até os putos :D dá um jeitaço do caraças!

 

- a descontracção do povo

 

MEH..

 

- demasiada gente nas ruas, demasiada confusão em amsterdão...

 

- pivete a kebab e batata-frita..

 

- comida.. fast food ou assalto à carteira (ainda que fosse um assalto delicioso lol).. 

- a água engarrafada.. é tão mazinha (e ainda experimentei algumas marcas) que até a da torneira era melhor.. levei aqueles dias todos a choramingar por uma glaciar ou luso.. 

 

- ruas labirínticas e muito parecidas, que me deixavam um bocado confusa (ao fim do primeiro dia, o mapa que compramos ficou praticamente desfeito)..

 

tive pena de não termos tido oportunidade de alugar umas bicicletas e pedalar pela cidade como os locals... mas em dois dias não se pode esperar ver e fazer muita coisa, ainda por cima nesta altura do ano em que os dias são tão curtos (e friiiios)..
mas ficou a promessa de lá voltarmos e conhecer o resto, especialmente o campo e a costa, que aquilo tem metade do tamanho de portugal, faz-se bem (de carro, claro)!

 

ah, não encontrei kispo tão flashy como o meu muhahahha

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: isa@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D