Shit just got real

em tempos que já lá vão, relatei por aqui o meu receio em meter tweets enquanto estava a sonhar. e quem diz tweets diz enviar mensagens, que o telemóvel aparece-me muita vez nos sonhos - apesar de ser um verdadeiro pesadelo fazer alguma coisa com ele :P levo uma eternidade a tentar escrever seja o que for, e nunca acerto nas teclas certas. é aflitivo!!!

anos passam, sem nenhum incidente a registar. até à noite passada...

a dada altura comecei a sonhar com uma banda qualquer, cujos membros usavam uns fatos brilhantes muita foleiros, em spandex azul eléctrico, e tinham umas coreografias igualmente foleiras. e eu decidi queria ver vídeos para me rir arrepiar com a vergonha alheia. a única coisa que sabia da banda, é que tinha ganho um festival da eurovisão há uma porrada de anos (e tendo em conta que eu não ligo nenhuma ao festival, nestas alturas fico realmente preocupada com aquilo que flutua pelo meu subconsciente). vai daí, fui ao google ver se descobria o nome. entretanto o sonho mudou completamente de direcção.

na manhã seguinte, ao acordar, pego no telemóvel para espreitar as novidades... e o que é que encontro aberto no chrome?

 

 

...OMFG!!!

eu lembro-me de ter googlado aquilo, mas não me lembro de ter acordado para usar o telemóvel.. aliás, podia jurar a pés juntos que estive sempre a sonhar.. agora tou aqui na duvida, será que estava a sonhar acordada? 😨

pelo sim pelo não, o telemóvel vai começar a ficar na sala durante a noite 😑

Let the silly season begin

sou tremendamente fã daquelas tamancas que todàgente acha horrorosas, as birkenstocks. para além de castiças, acho-as super confortáveis. há já três verões que praticamente não me saem dos pés.

dos três pares que tenho, aquelas que têm a largura mais estreita são as mais confortáveis, pois a planta do meu pé (que é estreito) assenta na palmilha anatómica com uma luva.

são lindas, dão com toda a roupa que vista, são ultra confortáveis, posso andar horas com elas que não me magoam os pés, não criam aquela sopa nojenta de suor e pó que as vezes até escorrega, e por incrível que pareça, não desenvolvem pivetes nauseabundos mesmo no pico do calor (basta dar-lhes uma boa limpeza de vez em quando).

seriam perfeição absoluta, se não fosse um *pequeno* detalhe, um tanto ao quanto constrangedor: como a planta assenta tão bem na palmilha, o ar que fica caçado entre as duas superfícies sai comprimido quando ponho o pé no chão...

...parece que me vou a peidar pela rua fora 😐

[ entretanto o google ensinou-me que este fenómeno acontece a muita gente, e há que tenha problemas mais sérios que o meu muhahahah ]

26 de Junho de 2018, às 01:45link do post comentar

Enorme

ou dia em que eu não aguentei um concerto colada à grade... 

a meio do concerto mudei-me para o centro da sala, para ouvir melhor a música, que eu gosto taaaaanto da voz do james murphy, e onde estava mal se percebia!!

lcd soundsystem


nunca vi o coliseu TÃO cheio!! fónix... uma pessoa mal se dava mexido no meio da multidão. e tudo aos saltos, tudo ensopado em suor, um calor infernal naquela sala, que só visto!

tocaram as minhas músicas favoritas praticamente todas, só faltou uma. morri de pena por não ter ido ao último dia, que foi o fim da tour e a malta foi brindada com meia hora extra de concerto.. ninguém me manda ter ido correr a comprar os bilhetes mal foram postos à venda 😭

24 de Junho de 2018, às 23:12link do post comentar

Fuck yeah!!!

☀️🌡️😎 🍉🌴👙 🏖️ ⛺

21 de Junho de 2018, às 11:07link do post comentar ver comentários (2)(1)

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

de resto, é ler o blog :D

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#11 #10 #9 #8 #6 #5 #4

Bloglovin  follow us in feedly  Seguir nos Blogs do SAPO

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.